terça-feira, 7 de março de 2006

PEDRA É PEDRA




Sintam o top dessa notícia (link) :

*************************************************************************************
Briga em partida de dominó termina em morte no Recanto das Emas

Do CorreioWeb

06/03/2006
11h49-Uma discussão durante uma partida de dominó terminou em morte na tarde deste domingo no Recanto das Emas. O bar Arara de Ouro, no Conjunto 5, serviu de palco para o início da violência.

Por volta das 15h45, Jailton do Amaral Monteiro, 36, e Francisco das Chagas Carneiro, 27, começaram a brigar dentro do bar por conta do jogo. Os dois trocaram tapas e garrafadas. Depois que as agressões acabaram, cada um tomou um rumo. A rixa, no entanto, não terminaria por aí.

No caminho para casa, Jailton, conhecido como baiano, foi surpreendido por dois irmãos de Francisco Carneiro. Decididos pela vingança, Fabiano da Silva Carneiro, 19, e José Hélio da Silva Carneiro, 22, pegaram duas facas de açougueiro e pedaços de pau para atacar Jailton.

“O que sabemos até agora é que o baiano morreu no local depois de levar facadas nas costas por José Hélio. Não sabemos se Fabiano também esfaqueou a vítima”, afirma o delegado chefe da 27ª DP (Recanto das Emas), Ivanilson Melo. Os irmãos estão foragidos. Se condenado, o autor do crime pode pegar de 12 a 30 anos de prisão, por homicídio qualificado.

Segundo o delegado, os vizinhos do bar, Eliane Cristina Fezetto, 45 anos, e o filho, Robson Oliveira, 22, tentaram conter a briga no estabelecimento. Mas eles também foram agredidos.


*************************************************************************************
Porra, pessoal, convenhamos: é muita tosqueira junta: jogo de dominó, briga de bar ("Arara de Ouro", putz), garrafada, morte com peixeira. Nessas horas é que eu penso na tese do Cristovam Buarque, ele acha que a humanidade pode verdadeiramente se dividir em dois ramos diferentes, de acordo com as oportunidades, educação e poder econômico. Quando vejo esse tipo de coisa, tenho medo de começar a concordar: matar, morrer, ir para a cadeia, por conta de uma porra de jogo de dominó?! Fala sério, cacete. Eu e o Reinaldo gostamos de rir dizendo que somos "pedra", que somos "toscos", mas perto desses caras acho que somos quase o Gerald Thomas e o Woody Allen (Reinaldo seria o Gerald Thomas, bem entendido).

E os místicos daqui ainda acreditam que Brasília será o "berço da Civilização do Terceiro Milênio e da Era de Áquário". Pode até ser, mas com certeza não será antes de proibirem o truco, o jogo de damas e o dominó. E teriam que tirar as vans e os táxis de circulação também, acho.